2012/03/06

Coisas que se dizem (nº 312): "A ex-mulher"

Mas porque é que quando um homem e uma mulher se divorciam um fica com o estatuto de ex-marido e a outra com o de ex-mulher? Ex-mulher??
Então mas o estatuto de mulher está ligado ao facto de ela ser casada ou não?
Quando uma mulher se divorcia fica num estatuto inferior?
Que coisa tola esta que andamos por aqui a dizer uns aos outros.
Ainda mais quando na maior parte das mulheres que observamos as que dão esse passo, ou se permitem fazê-lo, fazem-no num acto de plena coragem para consigo e com os seus filhos.

Dirão alguns:"mas isso é apenas uma forma de expressão... nada mais... não há que stressar com isso..."
Bem, esta chamada de atenção não é propriamente um aviso stressado mas sim um tranquilo alerta para podermos mudar aquilo que vamos dizendo uns aos outros. Porque muito do que dizemos se torna naquilo que pensamos.

Há tantas outras formas de o dizer, "mãe dos meus filhos", ex-esposa (embora o termo "esposa" soe um pouco pretensioso mas é mais respeitoso), ex-companheira, filha da minha sogra, (ex)nora da minha mãe, etc. etc. Aceitam-se sugestões. Para que possamos ir mudando estas coisas que vamos dizendo e estas palavras que se vão, sem querer, pensando.

Fiquem bem ou melhor ainda. É o que vos desejo.

2 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Se se convencionou chamar "mulher" à mulher casada, então faz todo o sentido chamar "ex-mulher" à mulher que já não está casada!... Simples, não? rsrsrs

quinta-feira, março 15, 2012 2:22:00 da manhã  
Blogger Mário Rui Santos said...

E as convenções são para toda a vida ou podem ser questionadas e alteradas? rsrsrs

quinta-feira, março 15, 2012 9:04:00 da manhã  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home