2010/09/30

Abra o caminho, construa a ponte...


Se sente os seus caminhos bloqueados, vá a uma igreja - com ou sem missa. Observe bem o crucifixo no altar. Alguns pormenores.
Feche os olhos e imagine-se a retirar Cristo da cruz. Arranque os pregos. Primeiro das mãos, depois os pés.
Segure-o num abraço e retire-o totalmente da cruz. É possível que seja ele a abraçar o seu ser.
Tudo bem, sinta a gratidão pelo momento.
Agora prepare-se para aproveitar a madeira que prendia esse ser de Luz. Você vai usá-la para construir uma ponte. Aproveitará até os pregos.
Ao seu lado estará alguém disponível para ajudar.
É mesmo provável que sinta a mão desse ser no seu ombro.
Inicie essa construção.
Abra os seus olhos e saia da igreja, parando durante alguns segundos na porta – face à rua - inspirando produndamente e expirando com um sorriso.
Continue o seu caminho e a construção da sua ponte.


(imagem do altar da Igreja de Queijas, Oeiras - com a devida vénia a Victor Lages, o autor)

1 Comments:

Anonymous t.c. said...

Interessante exercício :)

quinta-feira, setembro 30, 2010 6:48:00 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home