2007/06/06

A cor viscosa ou a quadratura do racional


Costumo trabalhar com uma linguagem metafórica, poética e por vezes até desprovida de formatos convencionais, porque sei que as palavras que existem no dicionário e as imagens deste mundo físico são uma ínfima parte daquilo que podemos e conseguimos criar na nossa mente.
Sei que neste nosso magnífico cortex podemos criar cores sorridentes, cavalos alados, corvos protectores, árvores que nos abraçam, pedras falantes, luzes sábias e energias de clarividência. Sei que podemos criar novas palavras e qualidades, novos adjectivos e sinónimos, e sei ainda que quando os criamos eles passam a existir e este nosso ser age em conformidade.
Lembro-me sempre, a propósito disto, da frase de um aluno que depois de um trabalho de visualização mental, com a sugestão de se imaginar a expirar uma cor escura e viscosa que lhe levaria qualquer tensão nervosa e desnecessária, abriu os olhos e me disse: "...mas Mário Rui, as cores não podem ser viscosas !!".
E foi aí que de mim para mim me sugeri, nesse mesmo momento, recordar sempre a importância da poesia em complementaridade à quadratura do racional.

---
"Serei um cão, um macaco ou um urso,
Tudo menos aquele animal vaidoso
Que se vangloria tanto de ser racional"
John Wilmot

---

The Logical Song - Supertramp
---

6 Comments:

Blogger Gato Vadio said...

As cores podem ser tão viscosas como as palavras podem ser ásperas e um olhar penetrante, tudo depende do desprendimento com que falamos e/ou escutamos a mensagem. Por desprendimento refiro ausência de conceito prévio, mas também pode entender-se flexibilidade ou tolerância..

sexta-feira, junho 08, 2007 9:39:00 da tarde  
Blogger Mário Rui Santos said...

Concordo inteiramente GV

terça-feira, junho 12, 2007 7:02:00 da tarde  
Blogger Flôr said...

São tantas as vezes, que os "ditos" animais racionais dão verdadeiras lições "racionais" àqueles que se julgam superiores por serem racionais?!!


Passei para te lembrar que és um Ser especial e que este cantinho... é gostoso! :)

Deixo-te ficar o sorriso sincero do meu coração para ti e também para todos aqueles que por aqui passarem para te visitar e aprenderem mais um bocadinho.

Flor

quarta-feira, junho 13, 2007 3:07:00 da manhã  
Blogger Flôr said...

Isto já é do sono.. LOL LOL

rectifico.. quiz dizer...ditos animais irracionais...

sorry pelo lapso...

Flor

quarta-feira, junho 13, 2007 3:08:00 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Os irracionais (animais) dao grandes liçoes aos racionais, fazem-me pensar...
Gosto muito de passar por aqui, tranquiliza-me.
Maria

domingo, junho 17, 2007 1:24:00 da manhã  
Blogger Mário Rui Santos said...

boas e muitas mais passagens por cá, racionais ou irracionais...

terça-feira, junho 19, 2007 2:58:00 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home