2006/09/01

Pessoas e Pontes


As pessoas entram na nossa vida, passam, algumas ficam e outras vão ficando.

Outras agarram-nos.

A outras agarramo-nos e mantemo-nos próximos.

Pelas vidas de outras entramos, passamos e em algumas vamos ficando.

A algumas deixamos pontes, com outras cultivamos pontes.

Sobre outras ainda perguntamos o porquê de terem entrado na nossa vida, da mesma forma que algumas perguntarão o mesmo sobre nós.

Serão estas pessoas páginas da nossa história, co-autores, personagens ?

A quais deveremos deixar pontes, com quais deveremos cultivar pontes ?

Devemos iniciar a obra ou contemplar as pontes que se estendem ?
---

contemplar

do Lat. contemplare por contemplari

v. tr.,
olhar, observar atentamente;
considerar com admiração ou com amor;
ver, admirar com o pensamento;
meditar;
dar;
atender;
remunerar;
fazer mercê;
beneficiar;

v. int.,
meditar profundamente;

v. refl.,
mirar-se.

5 Comments:

Anonymous Anónimo said...

A ponte é uma passagem, para a outra margem. Sem pontes não chegaríamos lá...

quinta-feira, setembro 07, 2006 12:20:00 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

vou continuar a divagar sozinha...
mas se seguirmos por pontes fortes e sustentadas a nossa trajectória será também fortificada.

quinta-feira, setembro 07, 2006 11:29:00 da tarde  
Blogger Mário Rui Santos said...

há sempre alguém que te ouve

segunda-feira, setembro 11, 2006 10:06:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Quem me dera ter essa certeza.
Sinto-me só na minha caminhada...

domingo, setembro 17, 2006 7:49:00 da tarde  
Blogger Mário Rui Santos said...

porque quando olhas para trás só vês as tuas pegadas ?

domingo, setembro 17, 2006 10:53:00 da tarde  

Publicar um comentário

<< Home