2007/09/26

私は私を破壊しないものがとより強くなる


私は私を破壊しないものがとより強くなる
Qui nos non occidit, fortiores nos reddit
("Aquilo que não me destrói, torna-me mais forte")
Nietzsche
(caractere japonês que significa "Ki" - energia essencial - os chineses referem-se a ela como "Chi")

10 Comments:

Anonymous jorge a. said...

Acredito

terça-feira, setembro 25, 2007 10:31:00 da manhã  
Anonymous t.c. said...

Aquilo que não destrói às vezes mói

terça-feira, setembro 25, 2007 4:57:00 da tarde  
Anonymous fernanda said...

ありがとう

terça-feira, setembro 25, 2007 7:00:00 da tarde  
Anonymous rosa said...

O problema é que “ser forte” por vezes implica tornar se duro, cínico e/ou distante. Há que não perder o “lado suave” da vida.

Eu diria antes “Aquilo que me é difícil, torna-me mais ágil” ;)

terça-feira, setembro 25, 2007 7:19:00 da tarde  
Blogger Mário Rui Santos said...

Aquilo que não me destrói, torna-me mais forte, tranquilo, sincero e próximo ;)

quarta-feira, setembro 26, 2007 12:51:00 da manhã  
Blogger African Queen said...

Pois... eu tb concordo, mas ultimamente parece que se organizou uma conspiração para me fazer testar esta máxima e eu confesso que ando muito moída e não me sinto lá muito mais forte...
Quando este combate acabar eu conto se fiquei mais musculada ou se fui ao chão e acabei numa cadeira de rodas :)

quarta-feira, setembro 26, 2007 11:34:00 da manhã  
Blogger JASG said...

Aqui vai um comentário mais materialista: se 29 de Setembro é sábado, 30 de Setembro (do mesmo ano) não pode ser sábado... Um abr.

quarta-feira, setembro 26, 2007 9:11:00 da tarde  
Blogger Mário Rui Santos said...

Oh African Queen cá ficamos à espera de te ver mais musculada ;)

Obrigado pela dica JASG, está corrigido.

quarta-feira, setembro 26, 2007 9:46:00 da tarde  
Blogger Mário Rui Santos said...

Este é um blog vivo, de partilha e de co-construções de alternativas aos formatos e aos paradigmas existentes.
A sua vida depende não só de mim mas de quem o visita, de quem o lê e de quem o comenta.
Todos os comentários são lidos - mesmo nos textos mais antigos - e, sempre que se justificar também os comentarei.
Por isso verão na maior parte dos textos este meu comentário e esta minha explicação - a sua presença é uma prova de que o blog está vivo e de braços abertos para a vossa mais que bem-vinda partilha.
Esse comentário pode ser feito directamente nesta página, mas se tiver problemas de ordem técnica envie-me por favor o seu comentário identificando o nome do texto que quer comentar para comments@hipnozz.com e eu publicá-lo-ei com o seu conhecimento.
Obrigado pela sua visita e pelo seu comentário.
Volte sempre :)

quinta-feira, outubro 04, 2007 12:25:00 da tarde  
Anonymous jose ribeiro said...

no meu caso particular não me destruiu e aprendi alguma coisa de util.

quarta-feira, dezembro 12, 2007 2:24:00 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home