2007/10/01

Muito riso, muito siso


Alguém me disse uma vez, quando eu tinha 10 anos, que ria demais. Que mostrava demais os dentes. Que devia ter juízo. Muito riso, pouco siso. E outras aberrações do género.
Não me lembro do nome de tal criatura. Criatura pouco habilitada decerto e pouco dada ao saber de que a felicidade e o sorriso de uma criança é uma flor que se cuida e se faz crescer. Que ajuda a trazer luz a este mundo.
Aquela era apenas uma criatura estranha, que ecoava o que outrora alguém lhe havia dito, e de quem já nem lembro o nome. Não porque não quero, mas apenas porque depois dela já sorri e ri tanto que lhe amareleci a foto da memória e o nome escrito a lápis de má qualidade se apagou.
Hoje muitas vezes em frente a tristes carrancudos, também muitas vezes me lembro das tristes palavras dessa pobre criatura, que de memória não será merecedora mas de compaixão sim, certamente.
E perante esses pobres tristes carrancudos - grupo no qual me insiro de vez em quando - não sorrio nem me rio sozinho - sorrimos e rimos os dois: eu e o Mário de 10 anos. Juntos num abraço de gargalhadas.

(obrigado Ana)

---
"Creio no riso e nas lágrimas como antídotos contra o ódio e o terror."
Charlie Chaplin

12 Comments:

Anonymous t.c. said...

Rir e chorar são duas das mais poderosas e terapêuticas ferramentas que possuímos :)

segunda-feira, outubro 01, 2007 11:58:00 da manhã  
Blogger PaulaNog said...

E realmente é o riso o melhor remedio para todos os males...
Eu faço rir muita gente, com as minhas palhaçadas, e é o que mais prazer me dá... tento me rir dos meus próprios disparates e de tudo o que me possa fazer chorar...
Ainda bem que te ris ... continua a rir e a SORRIR!

Com mto carinho****

segunda-feira, outubro 01, 2007 5:04:00 da tarde  
Anonymous jorge a. said...

Rir é O remédio ;)

segunda-feira, outubro 01, 2007 8:21:00 da tarde  
Anonymous M.Lurdes Antunes said...

Uff! que alívio!!! Já me sinto "mais normal".
Com frequência sou acusada de rir demais e demasiado alto, dando-me a entender que isso é sinónimo de leviandade relativamente aos assuntos tratados.
Eu, que sou teimosa que nem mulas - talvez porque os meus pais tinham uma e aprendi com ela!!!! - tenho continuado a insistir...
E de facto, apesar de alguns executivos me considerarem "diferente" -
para não dizer "anormal" - Sinto-me muito bem com essa teimosia.
Obrigado por dar razão a este meu sentimento.

terça-feira, outubro 02, 2007 12:58:00 da manhã  
Anonymous isabel said...

...e chorar a rir ? há melhor ? ;)

terça-feira, outubro 02, 2007 12:31:00 da tarde  
Anonymous a.t. said...

O meu sorriso é lindo.
O meu sorriso é para as pessoas o mesmo que o sol é para as flores.
Estou a sorrir e vou sorrir sempre.

terça-feira, outubro 02, 2007 3:21:00 da tarde  
Anonymous une personne said...

Há aqui um comentário que adoro...
Sentir a dor nos músculos de chorar a rir, é mesmo o máximo!! Adoro sentir as lágrimas de tanto rir!!

E parece que a música bate certo com uma dose de alienação e glamour à mistura, de mentes envolvidas no mesmo humor e motivos de descontracção,

uma atmosfera de tequilla ou champagne; luminosidade reduzida com candeeiros de mesa, com o piano no palco...
e uma nuance de cabaret saudável...
o carmin nas paredes e padrões floreados em "gradient"...a aquecer o espaço.

A Diva gorda de boquilha a transbordar sedução que "ostenta" a lingerie rendada, os buracos acidentais nos collants e os sapatos de salto grosso...

Com o devido programa e texto de tiques secretos a fazer rir até chorar....
Só de imaginar, apetece-me rir!!
;)

terça-feira, outubro 02, 2007 3:59:00 da tarde  
Anonymous rosa said...

“Smile and the world will smile with you” :)

terça-feira, outubro 02, 2007 6:58:00 da tarde  
Blogger Mário Rui Santos said...

Smile and the world will smile with you.
Laugh and the stars will laugh you back.

quarta-feira, outubro 03, 2007 1:40:00 da manhã  
Anonymous gato vadio said...

O sorriso rejuvesnece o espírito e os carrancudos não querem perceber mas têm inveja e por isso ficam ainda mais carrancudos..

quarta-feira, outubro 03, 2007 9:08:00 da tarde  
Blogger Mário Rui Santos said...

Os carrancudos só o são provisoriamente ;)

quinta-feira, outubro 04, 2007 12:22:00 da tarde  
Blogger Mário Rui Santos said...

Este é um blog vivo, de partilha e de co-construções de alternativas aos formatos e aos paradigmas existentes.
A sua vida depende não só de mim mas de quem o visita, de quem o lê e de quem o comenta.
Todos os comentários são lidos - mesmo nos textos mais antigos - e, sempre que se justificar também os comentarei.
Por isso verão na maior parte dos textos este meu comentário e esta minha explicação - a sua presença é uma prova de que o blog está vivo e de braços abertos para a vossa mais que bem-vinda partilha.
Esse comentário pode ser feito directamente nesta página, mas se tiver problemas de ordem técnica envie-me por favor o seu comentário identificando o nome do texto que quer comentar para comments@hipnozz.com e eu publicá-lo-ei com o seu conhecimento.
Obrigado pela sua visita e pelo seu comentário.
Volte sempre :)

quinta-feira, outubro 04, 2007 12:23:00 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home